sexta-feira, 24 de outubro de 2008

E você, é livre?

A cada dia me surpreendo querendo voar
querendo ver tudo la de cima
as pessoas
a natureza
os animais
as belezas
incondicionais

Chove, chuva, chovendo, chove ali.

Aprendi a apreciar a beleza da alma
eles não entendem
a beleza do crescer
e dentro de nós mesmos
nos perder
em forma de música

Aprendo a todo instante
as delícias que vem com o vento
fecho os olhos e quando abro
me contento
me mantenho

Cresço.
mas, nada esqueço
tudo vai aqui dentro
as coisas sujas, feias tambem
levo, mas transformo
moldo
até virar
um lindo pássaro

e este sim
está pronto pra VOAR.